Pular para o conteúdo

Alunos de EAD podem estagiar?

15 de novembro de 2019

Com o crescente índice de alunos deixando a sala de aula para aprender em casa, na modalidade de Ensino à Distância (EAD), surge a dúvida: esse grupo pode ser estagiário?




Estagiar só é liberado, por lei, para quem está regularmente matriculado – e frequentando – uma instituição de ensino superior, médio, técnico ou EJA (Ensino de Jovens e Adultos). Porém, com o crescente índice de alunos deixando a sala de aula para aprender em casa, na modalidade de Ensino à Distância (EAD), surge a dúvida: esse grupo pode ser estagiário?

O que diz o MEC?

De acordo com o último censo do Inep/MEC divulgado, entre os anos de 2016 e 2017, as matrículas aumentaram 17,5% nos cursos à distância e caíram 0,4% nos presenciais. Desse modo, quem optou pelo aprendizado digital, já ocupa 21,2% do total de universitários em busca de um diploma. A tendência é essa estatística ser maior na próxima década.

Segundo regulamentos do MEC – Ministério da Educação, o diploma recebido nesses dois formados não deve ter distinções, portanto, são vistos como duas formas legítimas de se formar.

O que diz a Lei de Estágio?

A lei 11.788 garante esse estilo de admissão para todos os indivíduos inseridos em uma escola ou faculdade. Entretanto, não especifica normas diferenciadas para quem estuda pela Internet. Ou seja, não há impeditivos na hora de procurar uma vaga.

Benefícios

Segundo Mario Lima, consultor de RH, no Rio de Janeiro, os benefícios em procurar uma oportunidade de estágio para dar início à trajetória corporativa são diversos. “O profissional quando está desde cedo buscando desenvolver suas habilidades e conhecer a fundo a prática de sua área de atuação, cria para si um diferencial fundamental para quando se graduar”, estimula o especialista.

Experiência

Sophia Carvalho concorda com a visão de Lima, pois, para ela, ser estagiária a proporcionou diversos ensinamentos cruciais para definir seus próximos passos. Ela estuda psicologia na Universidade São Judas e atua na área há pouco menos de um ano. “Eu entrei na faculdade questionando a todo momento se aquele era o caminho certo para mim e, depois, quando entrei na empresa onde estou agora, tudo ficou mais claro e pude enxergar melhor para qual ramo vou me direcionar”, explica.

Portanto, faça seu cadastro conosco e aproveite as oportunidades! Conte com o Polo.

Comentários

Comentários