Pular para o conteúdo

5 passos para escolher uma área de atuação profissional

3 de fevereiro de 2020

Para ajudar você nessa etapa, fizemos este post. Nele, vamos dar 5 dicas de como escolher a sua área de atuação, para que você possa definir o seu curso superior sem problemas. Continue a leitura e confira!




Determinar uma área de atuação é importante para ajudar a filtrar as suas opções de cursos. Afinal, com tantas alternativas disponíveis, é comum ficar um pouco perdido nessa hora. Por isso, procure definir o quanto antes se você quer seguir a área de humanas, exatas, biológicas ou de ciências médicas.

1. Liste as suas habilidades e os seus pontos fortes

Primeiro, faça uma lista das suas habilidades e pontos fortes. Veja quais foram as suas matérias favoritas na escola e em quais você teve um bom aproveitamento, e analise o que elas têm em comum. Depois, anote quaisquer outros cursos que você tenha feito — de informática e de idiomas, por exemplo.

Nesse momento, é importante considerar também aquelas habilidades conhecidas como soft skills, como facilidade de se relacionar com outras pessoas, capacidade de liderança e de lidar com situações estressantes.

Essas informações são importantes não apenas para definir a sua área de atuação, mas também para saber se você consegue trabalhar nela e ter destaque perante a concorrência.

2. Pesquise bastante sobre cada área

Não adianta apenas definir qual área você quer seguir — é importante conhecê-la a fundo! Há muitas opções de carreiras que podem parecer semelhantes, mas são completamente diferentes. Por exemplo, você sabia que há várias opções de cursos de Engenharia?

Assim, para garantir que você faça a escolha certa, pesquise cada área de atuação e veja qual delas se assemelha mais com os seus objetivos para o futuro.

3. Descubra quais são os assuntos de que você gosta

Além de definir as matérias com as quais você tinha afinidade na escola, também é importante considerar os assuntos de que você gosta. Afinal, de nada adianta descobrir qual é a melhor área de atuação e fazer o seu planejamento de carreira, se você optar por aquilo que não lhe faz feliz.

Lembre-se de que o dinheiro não é o mais importante na vida: é preciso buscar um equilíbrio entre o lado profissional, pessoal e financeiro.

4. Converse com outras pessoas

Se você já encontrou uma área de atuação do seu interesse, procure conversar com outras pessoas, como seus pais, professores ou, até mesmo, profissionais atuantes. Veja se as suas expectativas de curso, carreira e mercado de trabalho condizem com a realidade e aproveite para pegar algumas dicas com eles!

5. Faça um teste vocacional

Se, mesmo com todas essas dicas, você ainda não conseguiu se decidir sobre qual área de atuação combina mais com o seu perfil, que tal fazer um teste vocacional?

Por meio dele, é possível realizar uma espécie de avaliação de personalidade, levantando seus interesses e aptidões que possam ser utilizados no mercado de trabalho. Em alguns casos, um psicólogo pode fazer uma análise ainda mais aprofundada!

Como vimossaber qual é a área de atuação que mais combina com você é fundamental para escolher uma carreira. Por isso, faça uma autoavaliação e descubra os caminhos que mais lhe agradam. Assim, será mais fácil encontrar aquele curso que tem a sua cara!

Comentários

Comentários